Radio Oxigenio 102.6

  • Radios Online| en vivo

Radio Oxigenio 102.6 Radio

Radio Oxigenio, Radio Radio Oxigenio ouvir rádios online grátis Portugal


Adicione ao seu site.

Pessoas como Jim Ckark, Jack Brabham e Stirling Moss. Esses caras eram os melhores pilotos dos anos e . Os garotos da moda. Na Nova Zelândia, pilotos de corrida são muito admirados. Se forem pilotos internacionais, a admiração se torna veneração. Era como eu via Jack Brabham. Jack Brabham guardava o carro de corrida na oficina do pai de Bruce, então ele se tornou amigo da família e mentor de Bruce. Bruce era um piloto muito bom e tinha um talento inato. Automobilismo não é algo que se aprende de repente. Precisa ter isso dentro de você, precisa sentir, e Bruce tinha tudo isso. O Grande Prêmio da Nova Zelândia deu uma bolsa para um piloto da Nova Zelândia competir internacionalmente. O vencedor de hoje começou a correr aos anos. Só neste ano, ele ganhou seis de seis corridas de carro pilotando o antigo Bobtail Cooper de Jack Brabham. O vencedor é Bruce McLaren. O prêmio permite que vá para a Inglaterra, onde treinará e correrá pela empresa Cooper Car. Bruce tinha anos. O Sr. e a Sra. McLaren disseram: “Você iria como mecânico do Bruce?” Eu disse: “Não sou mecânico.” Eu trabalhava para o meu pai em um depósito de peças para carro. Bruce disse: “Você aprende.” LONDRES, INGLATERRA, FÁBRICA DA COOPER SURBITON, SUDESTE DE LONDRES Jack Brabham estava nos apoiando. Consegui trazê-lo para a equipe Cooper. Aqui é onde construímos nossos carros de corrida, e há centenas de componentes necessários para construir um carro de corrida. John Cooper disse: “É o seu carro lá.” E era um monte de tubos e uma estrutura. É o seu carro lá, garoto. Agora é melhor construir. Ele teve que começar a construir o carro com Colin Beanland antes que pudesse correr. E Bruce começou a carreira na Fórmula . Querido pai, queria que pudesse estar na corrida comigo. Acho que herdei algo de você. É a capacidade de tentar na hora certa. Bruce conseguia boas colocações nas corridas, o que ajudava no orçamento. Ele gostava do dinheiro que ganhava. Bruce escrevia muitas cartas. E os rapazes gravavam fitas para mandar para casa. Obrigado, pai, pelo dinheiro a mais que mandou. Felizmente, acho que não precisarei. Nesta temporada, pretendo participar no máximo de corridas possíveis e me sair bem. Estou muito ansioso por Nürburgring. É uma pista difícil. E, seu conseguir terminá-la, ficarei muito feliz. Era uma combinação de Fórmula e , com Bruce na fórmula . Nürburgring era o circuito mais perigoso do calendário. Eles o chamavam de “Inferno Verde”. Tortuoso, muito perigoso Radios Em vários pontos, se fosse corajoso o bastante, poderia saltar do alto de um morro e voar. Tantas curvas de tipos tão diferentes, subir, descer, sem inclinação, com inclinação, saltar duas vezes, quatro rodas no ar. Era um desafio. Mesmo conhecendo Nürburgring muito bem, cada volta era um novo desafio. Na época, Bruce não era muito conhecido. Era um novato. E ele estava liderando a Fórmula . Ao longo da corrida, ele se aproximou de carros da Fórmula e também passou. Terminou em ° na classificação geral. Venceu a Fórmula . Enquanto voltava aos boxes, estava com um sorriso enorme no rosto. Ele estava eufórico. Eu o ajudei a sair do carro, e acho que nós dois estávamos chorando. E foi aí que as coisas começaram a mudar. Houve reconhecimento internacional. Ele passou a ser considerado adversário. Parabéns pra você Nesta data querida Radios Naquele ano, Bruce fez anos. Ele ainda estava na Inglaterra, mas houve uma grande festa na casa dos pais dele. Vinte e um anos hoje Oi, filho. Espero que tenha tido um ótimo dia e, como Phil diz, não pense que fomos afetados pela bebida. Nós tínhamos saudade de casa, mas a nossa motivação por trás de tudo era o entusiasmo pelo que fazíamos. Vou passar para o seu pai. Oi, Bruce. Mais uma vez, tudo de bom para você. As pessoas adorariam ter feito o que fizemos. CLUBE DE CARROS DE AUCKLAND REMUERA, NOVA ZELÂNDIA O Clube de Carros de Auckland organizava muitas festas. O pai dele levava as gravações. Em Goodwood, o que diferencia os pilotos profissionais dos novatos são as curvas rápidas. Nas primeiras vezes que faz essas curvas rápidas, pensa: “Nossa, foi no limite.” Mas não foi. Só o tempo e a confiança permitem que faça essas curvas rápidas. Estava começando a chover, e as curvas inclinadas ficavam traiçoeiras. Fazíamos essas curvas a km/h. Devido á força G, precisa segurar com força o volante para que as mãos não sejam puxadas para a parte de baixo do carro. Acho que isso assusta todo mundo. A primeira temporada de Bruce na Fórmula foi em . No fim do ano, os pilotos da Cooper eram os maiores candidatos ao Campeonato Mundial. SEBRING, FLÓRIDA GRANDE PRÊMIO DOS EUA, Parece que o último Grande Prêmio da temporada, em Sebring, pode ser decisivo. Jack tinha uma pequena vantagem sobre Stirling Moss. Brabham tem a corrida nas mãos. Com o apoio do colega de equipe, McLaren, ninguém pode detê-lo. A corrida e o Campeonato Mundial são dele, mas a ordem mudou. É McLaren, o número nove, que ganha a bandeirada. Bruce venceu. E o chefe de equipe, John Cooper, dá as boas-vindas ao vencedor. Meu melhor amigo ganhou o primeiro Grande Prêmio dele. Bruce foi o piloto mais jovem, aos anos, a vencer um Grande Prêmio. E Jack venceu o campeonato. O que dirão na Austrália quando souberem? E na Nova Zelândia? Na Austrália, não sei, mas ficarão felizes na Nova Zelândia. Era um mundo novo para Bruce, porque agora ele era reconhecido. Eu me lembro do Bruce dizendo: “Acho que estamos ficando famosos.” Isso foi bem modesto, se considerar o que houve no resto do ano. Bruce venceu a rodada de abertura do Campeonato Mundial da Argentina em . No voo de volta á Inglaterra, Jack, Bruce e John Cooper inventaram um carro que desbancou todos os outros. A Cooper venceu os oponentes e ganhou o prêmio de construtores. E no segundo ano com a Cooper, Bruce ficou em segundo e Jack em primeiro no campeonato mundial. Bruce McLaren foi o primeiro da Nova Zelândia a entrar na Fórmula e mostrar que um neozelandês poderia competir mundialmente. Ele era importante para todos os neozelandeses. PARABÉNS, BRUCE BEM-VINDO DE VOLTA Bruce voltava todo ano para a temporada de corridas. Uma das ambições de Bruce era vencer o Grande Prêmio na cidade dele.

  • radios

Radio Online Portugal